“Servir com qualidade é extremamente recompensador”. Esse é o pensamento que motivou e direcionou o processo de migração para a nuvem da BTM Corporate. Nossa Unidade de Tecnologia (UTB) já desenvolvia sistemas e aplicações que otimizavam a mobilidade corporativa. Mas nosso desejo latente pela excelência nos levou a patamares ainda maiores.

Neste artigo explicaremos como foi a transição do nosso sistema para nuvem. Além de apontar os benefícios alcançados que favorecem os nossos clientes e os processos internos da BTM Corporate. Continue a leitura e confira!

Qual foi a vantagem da migração para a nuvem?

Olhando pelo ângulo corporativo, a BTM Corporate entrou para o rol de empresas inovadoras a nível mundial. A utilização do armazenamento em nuvem é uma tendência que confere a otimização da infraestrutura virtual, garantindo uma disponibilidade e confiabilidade maior dos dados.

Em relação a esse último requisito, a nuvem é considerada um ambiente cada vez mais seguro. A prova veio por meio da resolução nº 4.658/18 do Banco Central. Nela foi aprovado o uso da computação em nuvem em um dos setores que mais necessitam de segurança: o mercado financeiro.

A ajuda dessas informações e de estudos profundos sobre as necessidades da BTM Corporate foram um dos aspectos que embasaram a nossa decisão de transferir nosso sistema para a nuvem.

Outro fator que contribuiu foi o nosso foco na satisfação dos clientes. Levamos muito a sério a responsabilidade que temos em proteger os dados pessoais dos profissionais que confiam em nossos serviços.

Queríamos também proporcionar uma melhor gestão de mobilidade corporativa. Para isso, precisávamos de uma infraestrutura que permitisse a implementação e implantação de funcionalidades melhorar a experiência dos clientes com o software.

Como a BTM Corporate está expandindo o negócio, a nuvem é o sistema com a escalabilidade necessária para suportar o crescimento do número de clientes de várias regiões do país. Quanto maior o número de profissionais acessando a nossa plataforma, mais robusto e eficiente deve ser o sistema. Conseguimos isso com a nuvem.

Como foi o momento da migração?

O processo de migração para a nuvem foi finalizado no final do ano passado. Durante oito meses, várias etapas foram percorridas. A primeira delas incluiu a transferência do software Customer Relationship Management (CRM). Em seguida, todas as aplicações utilizadas pelos nossos clientes. Por fim, os sistemas dos departamentos financeiro, pessoal e de recursos humanos.

Foi um projeto muito trabalhoso, mas bem-sucedido. No decorrer da migração, notamos a sua complexidade. Era preciso disponibilidade no momento da transição e havia a possibilidade de conflito entre as aplicações.

Sendo assim, em cada etapa a avaliação seguia alguns parâmetros, como:

  • acompanhamento de disponibilidade;
  • verificação de desempenho;
  • metrificação do resultado definido;
  • realização de testes e homologações.

Quando esses padrões eram alcançados, o processo prosseguia para a próxima fase. Para atingir níveis de altíssima qualidade, a BTM Corporate contou com a eficiência, experiência e competência do nosso time de TI, além de uma consultoria da empresa Amazon.

Quais desafios foram encontrados?

Podemos apontar alguns obstáculos encontrados na migração para a nuvem. Um deles é a mudança na cultura interna da empresa. Normalmente, as organizações têm que lidar com uma grande resistência da parte do seu time que está acostumado e conformado com a infraestrutura atual. Conosco não foi diferente.

Tivemos que fazê-los entender os benefícios do sistema em nuvem, treiná-los para usar com perícia todas as funcionalidades e reduzir o estresse causado pela mudança. Outro desafio é incompatibilidade de algumas aplicações com os requisitos da nuvem.

Diante disso, é necessário redesenhar e projetar as ferramentas para que sejam migradas com eficiência. Entretanto, é preciso fazer testes que apontarão os erros. Com base nesse relatório são feitas as adaptações.

Algumas ações nos ajudaram a enfrentar esse problema, como:

  • o conhecimento das aplicações e processos;
  • o mapeamento deles;
  • a classificação em níveis de complexidade;
  • a ordenação das tarefas: começando pelas menos complexas, adquirindo experiência com elas e, por fim, avançando para as mais desafiadoras.

O que nós esperamos do futuro com a infraestrutura em nuvem?

Estamos satisfeitos com a decisão que tomamos de migrar o nosso sistema para a nuvem. Não foi algo que surgiu da noite para o dia. Pelo contrário, muito tempo, esforço e estudo de nossos gestores levaram a BTM Corporate a alinhar-se aos padrões internacionais de infraestrutura de TI.

Hoje, não ficamos preocupados em como será o nosso futuro, pois já estamos nele. Agora, o nosso negócio oferece suporte virtual escalável que nos permite crescer sem limites. Com esse diferencial, atraímos mais empresas que precisam otimizar a mobilidade dos seus profissionais e vivenciar uma experiência única e centralizada.

Podemos prosseguir com a realização da gestão estratégica de vários processos de nossos clientes, seja por meio:

  • das viagens corporativas;
  • consultorias;
  • realização de eventos;
  • viagens de premiação e incentivo;
  • receptivo;
  • soluções tecnológicas mais modernas e eficientes.

Outro aspecto que nos deixa confiantes quanto ao futuro é a aderência de nosso time interno com as ferramentas oferecidas pelo sistema em nuvem. Não é de hoje que sentimos a paixão dos nossos profissionais pelo trabalho que realizam e a busca incessante pela excelência nos resultados.

Apesar dos desafios da migração, eles estão preparados para o avanço que a BTM Corporate terá nos próximos anos. Com a possibilidade de integrar os esforços das equipes de consultorias com a tecnologia de ponta do sistema em nuvem.

Aguardamos também uma redução de custos significativa com a nossa infraestrutura de TI, elevando o nosso retorno sobre o investimento (ROI). Dessa forma, conseguiremos entregar serviços mais qualificados e funcionais sem onerar o orçamento dos clientes.

Porém, um aspecto não mudará: continuaremos a nos diferenciar das simples agências de viagens corporativas. Não é petulância, mas respeito pelo consumidor. Queremos oferecer uma plataforma com ferramentas voltadas para o self-booking, aperfeiçoando a gestão e a aplicação de uma política de viagens personalizada para os nossos clientes.

O que achou do nosso artigo? Ficamos muito felizes de compartilhar com você como foi o processo de migração para a nuvem do sistema da BTM Corporate! Quer conhecer a nossa plataforma de gestão de viagens corporativas? Entre em contato com um dos nossos especialistas!